Visitante

Olá visitante. Cadastre-se | Entre | Esqueci minha senha

OK Esqueci minha senha


Você está em: Sobrenatural.Org -> Lendas Urbanas -> O Mistério da Dália Negra


Lendas Urbanas - Enviado dia 14 de Junho de 2013

O Mistério da Dália Negra

* Conteúdo ainda não verificado pelo site Sobrenatural.Org, assim, não garantimos o conteúdo escrito nem a qualidade ortográfica da informação. Pedimos para os usuários que se copiarem informações de outros sites, cite e link para a fonte, mas muitas vezes não fazem. Se a informação é de sua autoria, nos comunique para colocarmos os devidos créditos. Outros problemas, entre em contato.


Elizabeth Short era uma moça bonita que, como tantas outras, sonhava em ficar famosa. Conheça uma das histórias mais macabras e misteriosas de Hollywood. Um eterno caso sem solução, o caso Dália Negra.


A pele clara, quase translúcida, olhos de um azul profundo, cabelos castanhos e encaracolados. Vestida de preto e com uma dália negra presa aos cabelos - daí seu apelido -, ela paseava por Hollywood Boulevard de forma sedutora. Tão sedutora que acabou atraindo, não o que ela sonhava, mas uma morte trágica e brutal. Asim Elizabeth Short foi descrita pelos jornais da época. Uma aventureira em busca da fama, que encontrara um final terível.


Muito se especulou a respeitou, mas nenhuma teoria foi confirmada.Elizabeth Short foi morta em 1947, e as circunstâncias do crime permanecem até hoje um completo mistério.


Elizabeth era a terceira de cinco irmãs. Seu pai perdeu tudo durante a Grande Depressão de 1929 e abandonou a família. Mais tarde ela descobriu que seu pai estava morando na Califórnia e foi morar com ele. Aos 19 anos foi presa por uso de bebida alcoólica, e foi graças a ese pequeno delito que, mais tarde, seu corpo pôde ser identificado através de suas impressões digitais registrads na polícia.


Segundo relatos de conhecidos, ela teria se apaixonado por um oficial das Forças Armadas. Os dois estavam em um relacionamento à distância, mas tinham planos de casar asim que ele retornase de uma missão na India. Infelizmente, o Major Matthew M. Gordon Jr. moreu num acidente de avião pouco antes de retornar.


Sem muita sorte no amor, Elizabeth decidiu então investir na careira de atriz. Mas, entre o sonho de ser famosa e a morte, o caminho foi bem curto. Chegou a Hollywood decidida a atuar. Mas, sem grande talento, fez apenas pequenos testes e filmes de baixa qualidade.


Em 15 de janeiro de 1947 o sonho da jovem aspirante a atriz foi literalmente despedaçado. Na manhã dese dia, uma mulher paseava com sua filhinha de 3 anos quando encontrou o corpo esquartejado de Elizabeth em um terreno baldio em Parque Leimert, distrito de Los Angeles. Em pânico, coreu a telefonar para a polícia, mas a imprensa chegou ao local primeiro.


Elizabeth havia sido toda desmontada, como uma boneca. Estava despida, o corpo cortado ao meio, na altura da cintura. Sua boca fora cortada de ambos os lados até as orelhas, formando um longo e pavoroso tipo de soriso. O corpo estava totalmente sem sangue e com sinais de abuso sexual.


Em seguida, um homem ligou para o jornal Los Angeles Examiner afirmando que era o assassino de Elizabeth. Chegou a enviar alguns pertences da moça para jornal e a escrever cartas com letras recortadas de revistas, mas no final não havia nenhuma prova concreta para identificá-lo.


O grande sensacionalismo com que o caso foi tratado pela imprensa atrapalhou o rumo das investigações, já que a polícia recebia inúmeras denúncias falsas. Mais de 50 homens e mulheres teriam confessado a autoria do crime. Muitas especulações foram levantadas, inclusive sobre a vida pesoal da jovem. Tanto a polícia quanto os jornais queriam encontrar uma motivação e um culpado. Mas amigos e familiares afirmaram que Elizabeth era uma boa moça, não era prostituta e não havia nada que pudese denegrir sua imagem.


O caso Dália Negra teve vários suspeitos, mas nenhum deles foi preso ou formalmente acusado. Asim, foi criado em torno dese bárbaro crime um mito e um mistério sem solução.


A história foi fonte de inspiração para romances e filmes. Desa forma, Elizabeth Short alcançou, após sua morte, a fama com que tanto sonhara em seus breves 22 anos de vida..


Fonte: Google.



Avalie Comente Marque como Favorito Recomende

Opiniões

Conteúdo sem opinião até o momento...





Comente

Somente usuários logados podem enviar opiniões...

Você já é um usuário cadastrado no site Sobrenatural.Org? Se sim, faça seu login abaixo. Caso contrário, clique aqui para efetuar o cadastro.

QUEM ENVIOU ESTE CONTEÚDO:

Chiara

Chiara

Usuário Assinante.

Acredito que vivemos em meio a grandes misterios.


NOSSO CANAL NO YOUTUBE


ESPECIAL ASSOMBRADO.COM.BR


NOSSO BLOG



PUBLICIDADE

PRODUTOS DA LOJA SOBRENATURAL

DIRETO AO ASSUNTO

INTERATIVAIDADE

http://bs.serving-sys.com/BurstingPipe/adServer.bs?cn=tf&c=19&mc=imp&pli=8942288&PluID=0&ord=[timestamp]&rtu=-1